Quarta-feira, 26 de Dezembro de 2007

Solidão

solidaokl.jpg


A tristeza tem a sua hora para todos.
Perdidos na multidão,de repente. . .
Sentimo-nos sós
Tremendamente sós! Esmagados por uma dor, que por vezes
nem nós mesmos compreendemos .
Reduzidos a nada. Com um peso forte no coração.
E sem brilho no olhar.
Sentimos a necessidade de uma mão amiga, aberta, estendida,
que nos diga que não estamos sós.
Precisamos do olhar de ternura,
de alguém a quem queremos bem,
alguém que nos dê esperança, coragem e confiança.
Alguém que nos dê paz interior, bem-estar e serenidade.
Sim...
Sentimos a falta de alguém,
que nos aqueça o coração e partilhe connosco alguns pedaços da nossa vida,
que nos transmita força para seguir em frente
este percurso por vezes tão complicado de percorrer.
Sim…
Precisamos de alguém,
nem que seja por alguns momentos,
para nos lembrar que não estamos sós



publicado por pura às 15:29
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. UM DEFEITO NA MULHER

. Solidão

. se...

. NAO DEIXE

. No Rancho Fundo - ZEZÉ DI...

. para voce k me veio visit...

. ZEZÉ DI CAMARGO E LUCIANO...

. ZEZE DI CAMARGO E LUCIANO...

. Bruno e Marrone

. Bruno e Marrone - Te amar...

.arquivos

. Outubro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Novembro 2005

. Janeiro 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds